sábado, 16 de fevereiro de 2013

10 coisas mais esquisitas enviadas para o espaço

Ao longo do último meio século, nós enviamos sondas para todo o sistema solar e além. Com elas, aprendemos muita coisa sobre outros planetas, estrelas e corpos celestes – mas também passamos muito tempo “brincando” e nos divertindo. Juntamente com os objetos maravilhosos que temos mandado para o universo, coisas esquisitas pegaram uma carona. Veja algumas das mais memoráveis:

10. Discos das sondas Voyager, 1977



Junto com as sondas Voyager 1 e 2, nós enviamos discos com registros fonográficos, contendo 116 imagens analógicas, sons naturais da Terra, saudações em 55 idiomas e uma mensagem impressa do então presidente dos EUA Jimmy Carter e do Secretário-Geral da ONU, Kurt Waldheim.

9. The Fallen Astronaut por Paul Van Hoeydonck, 1971



Essa escultura de alumínio de 8,5 centímetros está na lua, e foi colocada lá pela missão Apollo 15 em 1 de agosto de 1971. É um memorial criado por Paul Van Hoeydonck e apelidado de “O Astronauta Caído” para homenagear os astronautas e cosmonautas mortos. A placa ao lado da escultura é uma lista de 14 pessoas (oito americanos e seis soviéticos), dos quais apenas metade realmente morreu a bordo de naves espaciais (3 deles no incêndio da Apollo 1 e 4 por causa da falha de pressurização na reentrada de Soyuz 11). 5 deles morreram em um acidente de avião, um astronauta em um acidente de automóvel e um cosmonauta por motivo de doença.

8. Foto de família, 1972



Charles Duke foi o piloto do módulo lunar da missão Apollo 16, bem como a pessoa mais jovem (aos 37 anos) a caminhar na lua. Antes de deixar nosso satélite natural, ele colocou uma foto de sua família no chão.

7. Cartões postais da Apollo 15



A missão Apollo 15 levou 385 cartões postais para o espaço, que retornaram a solo terrestre e foram vendidos – alguns com autógrafos da tripulação, alguns sem.


6. Golfe na lua, 1971




Alan Shepard lançou duas bolas de golfe antes da missão Apollo 14 decolar da lua, em 6 de fevereiro de 1971.

5. Operação PARIS: avião de papel liberado no espaço, 2010



Uma equipe britânica (Steve Daniels, John Oates e Lester Hains) projetou um avião feito de papel com uma envergadura de quase um metro, e enviou-o para o espaço anexado a um balão de hélio. O avião chegou a 27.432 metros de altitude até que o balão estourou. A equipe gastou £ 8000 (cerca de R$ 24.625) para ter esta diversão.

4. Ruhnama e bandeira do Turquemenistão em satélites japoneses, 2001



O Livro da Alma (Ruhnama) escrito por Saparmurat Niyazov, ex-presidente do Turquemenistão (que na verdade era um ditador com um culto de personalidade) e uma bandeira do Turquemenistão foram incluídos em cápsulas de dois satélites japoneses enviados para o espaço. O Ruhnama é um guia espiritual para as pessoas do país. As cápsulas devem voltar para casa por volta de 2151.

3. Lego com bandeira canadense, 2013



Há um mês, dois adolescentes canadenses enviaram um “Legonauta” ao espaço, em um balão de hélio. O boneco chegou a 24,5 km de altura. Mateus Ho e Asad Muhammad, ambos com 17 anos, usaram quatro câmeras digitais antigas e gastaram apenas US$ 400 (cerca de R$ 800) para alcançar a façanha. O homem Lego estava em uma caixa de isopor, incluindo as câmeras e uma unidade GPS.



2. Sabre de luz original no ônibus espacial Discovery, 2007



O sabre de luz original usado por Luke Skywalker em “Star Wars Episódio VI: O Retorno de Jedi” esteve a bordo da missão STS-120 do Discovery em 2007.

1. Bandeiras de largada da NASCAR, 2007




As bandeiras de largada da NASCAR (National Association for Stock Car Auto Racing, associação automobilística norte-americana que controla os campeonatos de stock car do país) foram levadas ao espaço pelo ônibus espacial Atlantis em 2007. As bandeiras verdes carregadas durante a missão STS-122 à Estação Espacial Internacional foram depois distribuídas: uma foi usada para iniciar a Daytona 500 (“Grande Corrida Americana”) de 2008, outra foi presenteada ao piloto vencedor, e a NASA ficou com a última.

Fontes: io9NASA

Nenhum comentário: