terça-feira, 19 de novembro de 2013

Sonda MAVEN parte em busca da atmosfera perdida de Marte

Os oito instrumentos científicos da MAVEN vão tentar explicar como o planeta vermelho perdeu sua atmosfera.[Imagem: NASA]

A NASA lançou hoje a sonda espacial MAVEN (Mars Atmosphere and Volatile Evolution), deverá chegar a Marte em Setembro de 2014.

O grande objetivo da missão é estudar as mudanças climáticas do planeta e tentar responder à questão crucial sobre o planeta vermelho: Se Marte já teve uma atmosfera, como ele a perdeu?

Todos os estudos feitos até agora parecem indicar que Marte foi um planeta rico em água no passado remoto, mas hoje é totalmente seco e possui uma atmosfera com uma densidade equivalente a 1% da densidade da atmosfera terrestre.

Analisando a atmosfera superior do planeta e medindo as taxas atuais de perda atmosférica, os oito instrumentos científicos da MAVEN poderão lançar alguma luz sobre essa hipotética transição de Marte, de um planeta quente e úmido, para o mundo deserto e frio registrado pelos robôs que andam em sua superfície.

A sonda também deverá aumentar a capacidade de comunicação dos robôs Curiosity e Opportunity, atualmente na superfície de Marte.

"A sonda MAVEN vai se juntar às nossas sondas e rovers já em Marte para explorar uma outra faceta do planeta vermelho e nos preparar para missões humanas até lá por volta de 2030," disse o administrador da NASA, Charles Bolden.


Sondas em Marte


Atualmente há três sondas espaciais em órbita de Marte: Mars Odyssey, Mars Express e Mars Reconnaissance Orbiter. Elas estão em funcionamento há quase uma década, e logo deverão deixar de funcionar.

A sonda espacial indiana Mangalyaan também está a caminho de Marte, devendo chegar na mesma época que a MAVEN.

A Mangalyaan possui instrumentos para estudar a atmosfera de Marte, mas sobretudo em busca de metano.

Fonte: Inovação Tecnológica

Um comentário:

Amigo Mat0 disse...

Link interessante com fotos belas:

http://gizmodo.uol.com.br/fotos-iss-15-anos/


Abraço a todos.